Curar Vitiligo com Óleo de Coco

O óleo de coco tem demonstrado grande eficácia na cura de vitiligo.

Os tratamentos convencionais da vitiligo, tais como o recurso a pomadas farmacêuticas (corticosteroides tópicos, fenitoína ou Psolareno),  fototerapia UV e a realização de enxertos dermatológicos têm demonstrado pouca eficácia na cura total do problema.

Remédios e técnicas terapêuticas naturais, tais como a medicina homeopática, raspagem da pele, cipó de São João, inhame,  mama-cadela, acompanhados por uma correta dieta e exercício anti-estresse, têm demonstrado uma surpreendente eficácia na redução e cura deste transtorno dermatológico.

O óleo de coco, também conhecido por azeite de coco ou manteiga de coco, ajuda a restaurar a pigmentação da pele e pode ser utilizado como terapia complementar dos tratamentos mencionados.

óleo de coco cura vitiligo

Esse óleo é obtido mediante processos de prensagem a frio da polpa do do coco fresco. Pode ser encontrado no estado líquido ou sólido, uma vez que solidifica a temperaturas inferiores a 25ºC, não perdendo propriedades no processo de liquefação ou solidificação.

O óleo de coco é antifúngico, anticancerígeno, anti-inflamatório, anti-infeções, antioxidante, anti-retroviral, antiviral, antiparasitário e antiprotozoário. Não é tóxico nem possuí qualquer tipo de efeitos secundários ou contraindicações.

Pode-se encontrar óleo de coco virgem ou refinado. Atenção: para efeitos terapêuticos apenas nos interessa o óleo de coco virgem prensado a frio.

Devido às suas imensas propriedades, o óleo de coco é bastante utilizado em culinária, cosmética, medicina e na indústria.

Em medicina, quando utilizado internamente, por ingestão, o óleo de coco é utilizado no tratamento e prevenção terapêutica de diversas doenças, tais como, indigestão, infeção dos brônquios, Alzheimer, asma, fadiga crônica, colestrol, autismo, depressão, fibrose cística, gripe, constipação, diabetes, epilepsia, HIV, flatulência, câncer, parasitas, infeções urinárias, doenças de rim, doenças do fígado, desnutrição, etc.

Quando utilizado externamente, aplicado topicamente, o óleo de coco pode aliviar e eventualmente curar vitiligo, acne, alergias diversas, celulite, herpes, pé de atleta, dores nas costas e musculares, infeção no ouvido, etc.

Estudos recentes, elaborados na Universidade de Columbia, nos Estados Unidos da América, demonstraram a eficácia do óleo de coco na eliminação da gordura da barriga.

Mas o que nos interessa neste artigo é a utilização do óleo de coco no tratamento e cura da vitiligo.

O elevado teor de gordura do óleo de coco hidrata e acalma a pele reduzindo a área despigmentada. Os ácidos gordos existentes no óleo de coco nutrem e energizam a pele permitindo uma maior eficácia na luta contra vitiligo.

As propriedades antibacterianas, antimicrobianas, antifúngicas e antioxidantes, anteriormente mencionadas, do óleo de coco são fatores essenciais na sua eficácia.

Aplicado topicamente nas zonas afetadas, o óleo de coco ajuda na repigmentação da pele, por isso entra na composição de muitos dos óleos e cremes naturais indicados para o tratamento da vitiligo.

O óleo essencial de bergamota, ao qual dedicaremos em breve um artigo especial, é um remédio natural de eficácia demonstrada na cura de vitiligo. Quando associamos esse óleo à manteiga (óleo) de coco, conseguimos um produto bastante potente na cura deste problema dermatológico (ler artigo).

Também se aconselha a ingerir uma colher e sopa de óleo de coco extra virgem de primeira qualidade 3 vezes ao dia, antes das três principais refeições.

Os elevados níveis de ácido dodecanóico ou ácido láurico presentes na composição do óleo (cerca de 50%) permitem que este atue como antifúngico, anti-inflamatório, anti-viral e anti-bacteriano, aumentando a imunidade do corpo, a capacidade de absorção de cálcio e a regulação do nível de colestrol.

Se você sofre de vitiligo, independentemente do tratamento ou tratamentos que siga, considere utilizar o óleo de coco internamente e externamente.

Ler também neste site:

 

 

One Response to “Curar Vitiligo com Óleo de Coco”

  1. agreilson disse:

    Muito bom,mas preciso de mais dicas…

Voltar ao início